O PET Agronomia é um dos 842 grupos do Programa de Educação Tutorial (PET) do Governo Federal. O grupo é formado por estudantes de Engenharia Agronômica da Universidade Federal de São João del-Rei - Campus Sete Lagoas e tutorado por um docente do Curso.

Universidade Federal de São João del-Rei
Rua Sétimo Moreira Martins, 188 - Bairro Itapoã
Sete Lagoas (MG)

Memorial da Agricultura

A criação do Memorial da Agricultura será uma atividade inédita a ser
 
desenvolvida pelo PET Agronomia com a finalidade de registrar a memória e
 
evolução da agricultura brasileira até os dias atuais, de forma geral e
 
específica, relatando a trajetória de sua história para levar o conhecimento e
 
entendimento da origem das raízes rurais.
 
A história do Brasil possui como matéria-prima fundamental a história de
 
nossos trabalhadores rurais. Do trabalhador cativo ao trabalhador livre, das
 
plantações canavieiras à agricultura de base familiar, do trabalho fixo ao
 
trabalho volante, as substâncias de nossos modos de produção estão, de certo
 
modo, ligadas à terra. Noções como “modernização” e “desenvolvimento” são
 
hoje, mesmo que trivializadas nos discursos mais homogêneos, sínteses de um
 
longo processo de tensões e contradições que envolveram a formação do
 
trabalho rural no Brasil. Portanto, estudar a história social do campesinato
 
brasileiro, antes de ser um simples exercício de conhecimento cronológico, é
 
uma potente perspectiva para a compreensão crítica dos processos produtivos
 
nos quais estamos inseridos no presente.
 
Nesse contexto, podemos afirmar que a “memória viva” do passado está se
 
apagando com o passar do tempo e as gerações atuais e futuras perdem cada
 
vez mais a oportunidade de conhecer sua própria história. Além disso, cultivos
 
tradicionais, espécies vegetais e florestais, receitas antigas, hábitos e costumes
 
estão se perdendo à medida que o avanço tecnológico e interferências
 
externas ganham espaço.

         O Memorial da Agricultura é um projeto desenvolvido pelo PET Agronomia com a finalidade de registrar a memória e evolução da agricultura brasileira até os dias atuais, de forma geral e específica, relatando a trajetória de sua história para levar o conhecimento e entendimento da origem das raízes rurais.

        A história do Brasil possui como matéria-prima fundamental a história de nossos trabalhadores rurais. Do trabalhador cativo ao trabalhador livre, das plantações canavieiras à agricultura de base familiar, do trabalho fixo ao trabalho volante, as substâncias de nossos modos de produção estão, de certomodo, ligadas à terra. Noções como “modernização” e “desenvolvimento” são hoje, mesmo que trivializadas nos discursos mais homogêneos, sínteses de um longo processo de tensões e contradições que envolveram a formação do trabalho rural no Brasil. Portanto, estudar a história social do campesinato brasileiro, antes de ser um simples exercício de conhecimento cronológico, é uma potente perspectiva para a compreensão crítica dos processos produtivos nos quais estamos inseridos no presente.

        Esta atividade tem como objetivo a construção de um acervo de fotos que retratem a história agrícola do município de Sete Lagoas e elaboração de um livro da História dos PETs Agronomia de Minas Gerais.

Fotos do Acervo

 

Memorial da agricultura

    O ora-pro-nóbis (Pereskia sp), conhecido por também diversos nomes como trepadeira-limão, carne-de-pobre, groselha-da-américa, orabrobó, rogai-por-nós, espinho-de-santo-antônio, groselha de barbados,  é uma hortaliça perene da família das cactáceas, originária da...

Origem da Capuchinha

14-11-2022 17:34
      Tropaeolum majus, popular capuchinha ou flor-de-chagas é uma espécie proveniente do continente americano, das regiões da cordilheira dos Andes, ocorrendo entre a Bolívia e a Colômbia. Levada pelos exploradores espanhóis à Europa, no século XVII,...

Origem do Pequi

08-11-2022 17:30
O pequi (nome científico: Caryocar brasiliense) é um fruto típico do Cerrado, cuja nomenclatura vem do Tupi e significa “pele espinhenta”. O pequizeiro é uma árvore de copa frondosa que pode chegar a 12 metros de altura. Suas folhas são grandes, cada uma composta por três grandes...

Origem do Baru

31-10-2022 18:12
    O baru é nativo da vegetação do cerrado brasileiro e das faixas de transição da Mata Atlântica para o cerrado (na floresta latifoliada sem decidual). Ocorre nos estados de Minas Gerais (Triângulo Mineiro), São Paulo (norte do estado), Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Goiás. Ocorrem...

Origem da Raça Guzerá

24-10-2022 18:58
       Guzerá ou Bos Indicus (Zebu), é uma raça bovina, originária do estado de Gujarat, no centro da Costa Oriental da Índia, animal de grande porte, ótimos para produção de carne e leite, ao ser introduzida no Brasil teve boa seleção.  Porte imponente,...
     A origem dos caprinos domésticos, Capra hircus, é asiática. Foi um dos primeiros animais a ser domesticado pelo homem, assim como os ovinos e o cão, há cerca de 12 mil anos, além disso, foi também o primeiro a ser utilizado na produção leiteira.      Sua...

Origem do Melão

11-10-2022 16:09
O melão (Cucumis melo L.) é o fruto de uma olerícola muito apreciada e de popularidade crescente no Brasil e no mundo, sendo consumido em larga escala na Europa, no Japão e nos Estados Unidos. Originário da África e da Ásia, o melão é cultivado na Europa e Ásia desde os primórdios...

Origem do Quiabo

04-10-2022 12:59
A origem do quiabo não é muito certa, porém alguns historiadores afirmam que este legume provavelmente seja proveniente do continente africano, de onde foi introduzido nas Américas por meio do comércio de escravos. Atualmente, esta hortaliça é cultivada em quase todas as regiões tropicais e...

Origem do Maracujá

27-09-2022 19:13
 A primeira referência ao maracujá no Brasil foi em 1587 no Tratado Descritivo do Brasil como "erva que dá fruto". Maracujá é uma denominação indígena, de origem Tupi, que significa "alimento em forma de cuia". Porém, foi NIC. MONARDIS quem, em 1569, descreveu a primeira espécie do...

Origem do Urucum

19-09-2022 20:24
A palavra urucum tem origem na linguagem Tupi-Guarani transliterado “uru-ku” e significa “vermelho”. Seu nome científico, “Bixa orellana L”, foi dado em homenagem a Francisco de Orellana (1490-1546), um membro da expedição de Francisco Pizarro e o primeiro explorador espanhol que navegou o rio...
1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>